Em Aricanduva meninos roubam carro e morrem

Sete adolescentes pegaram veículo de família na Zona Leste para ir a uma casa noturna e se acidentaram

Quatro adolescentes menores de idade morreram e três ficaram feridos, neste sábado de madrugada, durante acidente de trânsito na Avenida Luís Mateus, em Guaianases, na Zona Leste de São Paulo. O veículo que ocupavam, um Logan, havia sido roubado horas antes na região. A vítima reconheceu os garotos como autores do roubo.

O Logan pertence a um professor que foi assaltado no final da noite de sexta-feira, no Jardim Santa Maria, na região do Vale do Aricanduva, também na Zona Leste, quando chegava em casa com a família.

Segundo ocorrência registrada na central de flagrantes do 22 Distrito (São Miguel Paulista), o grupo estava armado com uma garrucha calibre 22 e surpreendeu as vítimas no momento em que o professor guardava o carro na garagem. Obrigaram as pessoas a sair do veículo deixando as chaves no contato e ainda levaram R$ 89 e três relógios de pulso.

A vítima ligou para a PM, no 190, e comentou que chamou a atenção o fato de os ladrões aparentarem pouca idade.

As informações foram transmitidas às equipes de viaturas em patrulhamento na região. Por volta da 1h deste sábado, PMs cruzaram com o veículo na esquina da Rua São Teodoro com a Avenida Jacu-Pêssego, em Itaquera. Os ocupantes não obedeceram ao sinal de parar.

Os PMs foram atrás. Omotorista, identificado como Luca, aparentando 14 anos, perdeu o controle e o carro bateu em um poste. Dois garotos morreram na hora e outros dois no Hospital Santa Marcelina. Os feridos – um de 16 anos e dois de 17 – foram levados para a Fundação Casa. Eles disseram que queriam o carro para ir à casa noturna e pretendiam devolver.

Um bairro calmo se comparado a outras regiões
A região do Vale do Aricanduva, onde a família do professor foi assaltada, é considerada tranquila se comparada a outros bairros paulistanos, principalmente em relação a roubos e furtos de veículos. Segundo estatísticas da Secretaria da Segurança Pública divulgadas na sexta-feira, nos três primeiros meses do ano ladrões levaram de lá 276 autos.

A soma de furtos e roubos é inferior, por exemplo, ao total de carros furtados no mesmo período no bairro da Lapa, Zona Oeste, que lidera as estatísticas com 541 casos. De lá ladrões também roubaram 157 automóveis no primeiro trimestre deste ano.

Na sequência da lista estão os bairros de Jabaquara, Vila Clementino e Santo Amaro, na Zona Sul; Perdizes e Pinheiros, na Zona Oeste; Penha, na Zona Leste, e Cambuci, na região central.

O curioso em áreas nobres, onde ficam bares e restaurantes, é que os índices de roubo são menores que os de furto. Isso significa que os ladrões vão em busca de carros nas ruas.

Fonte: Diário de São Paulo

Publicado na categoria: noticias | Com a tag , , , , , , , , | Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*