Em Salvador o índice de carros roubados aumenta 12%

Manhã de terça-feira. O taxista Tadeu Andrade, 27 anos, chegava para correr na orla da Praia do Flamengo, retomando os planos de voltar a exercitar-se. Parou o seu carro, o Celta preto de placa JPL-8490, nas proximidades da antiga barraco do Louro, mas teve os planos interrompidos. Quatro homens armados de revólveres, em um Volkswagen Gol vermelho, anunciaram o assalto.
Tadeu chegou a esboçar uma tentativa de fuga, mas os ladrões sacaram armas e o ameaçaram de morte. O taxista entregou o carro, ligou para a esposa e se dirigiu à Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV), onde registrou uma queixa. “O pior é que não tinha seguro, mas não vou reclamar. O importante é que estou vivo”, adiantou.
Casos como este têm sido cada vez mais comuns em Salvador. De janeiro a agosto deste ano, aconteceram 3.049 ações de bandidos que, armados, levaram veículos ameaçando motoristas de morte. Este número é 12% maior que os 2.712 assaltos registrados no mesmo período do ano passado.
Os índices revelam a escalada dos roubos: nos primeiros oito meses deste anos, foram levados 381 automóveis todos os meses por homens armados em Salvador, doze a cada dia. Em 2010, eram 10 carros a cada 24 horas.
Líder – A região onde Tadeu foi roubado, a Área Integrada de Segurança Pública (Aisp 20), onde estão os bairros de Itapuã, Piatã, Bairro da Paz, Stela Mares e Praia do Flamengo, lidera no que se refere aos roubos de automóveis. Lá, 523 carros foram tomados de assaltos de janeiro a agosto. A segunda colocada no ranking é a Aisp/12, que abrange os bairros da Boca do Rio, Imbuí, Jorge Amado, Pituaçu e Patamares, onde ocorreram 417 casos de assaltos de automóveis em oito meses.

Fonte: A Tarde Online

Publicado na categoria: noticias | Com a tag , , , , , , , , | Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*