Em Curitiba três pessoas foram presas acusadas de roubar carros

Três pessoas foram presas acusadas de envolvimento com furto e roubo de carros na região dos bairros Batel, Mercês e Seminário, em Curitiba.

Assim que perceberam que o número de carros levados por assaltantes nestes bairros aumentou, investigadores da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV) intensificaram as atividades na região e conseguiram localizar, na segunda-feira, Rodrigo Vinicius dos Santos, 21, e Luciano da Cruz Cordeiro, 30.

Eles foram flagrados deixando na Rua Ayrton Greiffo, no Campo Comprido, um Sentra que havia sido roubado domingo na Rua Gonçalves Dias, no Batel. Em depoimento, eles relataram que foram pagos para levar o carro de um posto de gasolina até aquele endereço. A dupla foi autuada por receptação e, apesar de ter sido arbitrada fiança, ela ainda não foi paga e os dois permaneciam presos até o início da tarde de ontem.

Roubo

No dia seguinte, a equipe de investigação prendeu Fábio Alexandre Misso Junior, 19 anos, quando ele entrava em um Honda Civic que estava estacionado na Rua José Izidoro Biazetto, também no Campo Comprido. O carro foi roubado de um estacionamento na Alameda Dom Pedro II, no Batel, por três homens.

Dentro do carro foram apreendidas rodas e pneus de um Hyundai I30, que foi roubado na segunda-feira na Rua Nossa Senhora Aparecida e encontrado abandonado, já sem as rodas, no dia seguinte. O veículo foi encaminhado para a DFRV e devolvido ao proprietário.

Em depoimento, Fábio confessou o roubo e declarou que venderia as rodas do I30 para um rapaz de 27 anos por R$ 400. O suspeito foi identificado, ouvido e liberado, mas será indiciado por receptação.

Fábio foi reconhecido pela vítima do roubo do I30. As investigações continuam para que o comparsa dele, que também participou do roubo, seja identificado. Fábio ainda será submetido a econhecimento do proprietário do Honda Civic.

Publicado na categoria: noticias | Com a tag , , , , , , | Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*