Carros blindados russos na América Latina

Segunda-feira o representante oficial da “Companhia Militar –Industrial” Serguei Suvorov fez saber que o Brasil pretende assinar proximamente um contrato para o fornecimento de uma partida de carros blindados multimissão tracionados “Tigre”, produzidos na Rússia. Qual é a base desta declaração? Foi esta a questão que fizemos a Serguei Suvorov.
Serguei Suvorov: Acontece que participamos há pouco de uma exposição no Brasil em que foi exibido o nosso veículo “Tigre”. Este carro foi enviado para lá ainda em setembro do ano passado e submetido a um ciclo completo de testes no quadro de uma das unidades especiais da polícia do Rio de Janeiro. Além disso, o blindado foi utilizado no patrulhamento de regiões montanhosas nos arrabaldes da cidade, nas chamadas “favelas”, onde o índice de criminalidade é especialmente alto. A propósito o “Tigre” foi munido também de equipamento especial, instalado a pedido da polícia brasileira. A propósito, nos veículos que serão fornecidos para a América Latina a blindagem será reforçada. Além disso, eles serão munidos de um sistema de ar condicionado.

No decurso da exposição, – diz Serguei Suvorov, – o carro blindado russo foi examinado por numerosos especialistas, incluindo os ministros da defesa e do interior e o governador do Estado do Mato Grosso, que manifestou o desejo de adquirir estes veículos. É que a aquisição de material técnico para a polícia é uma função dos governos estaduais e não do federal.

O contrato já está pronto. A polícia brasileira pretende utilizar os “Tigres” a fim de assegurar a ordem legal no campeonato mundial de futebol de 2014 e nos Jogos Olímpicos de 2016.

Os veículos russos desta classe resultaram interessantes não somente para o Brasil. Em abril foi assinado um contrato com o Uruguai. Quantos veículos vai receber a parte uruguaia?

Serguei Suvorov: Não temos o direito de indicar o número de veículos e o valor do contrato. Isto se faz, em particular, a pedido do Uruguai. Aliás, esta prática é bastante comum. Quando se assina um contrato, muitos representantes do país – assinante pedem observar este ponto do contrato.

As autoridades do Uruguai depositam grandes esperanças nestes veículos na luta contra o crescente narcotráfico. Cumpre assinalar que o Uruguai é uma espécie de pioneiro na aquisição de veículos especiais russos. É sabido que o primeiro país latino-americano a adquirir os caminhões “Ural” também foi o Uruguai.

E como se desenvolvem as suas relações com os países desta região?

Serguei Suvorov: As nossas relações com a América Latina são de longa data. Trabalhamos com o Uruguai onde o nosso material técnico é utilizado de há muito, com a Venezuela, atualmente delineiam-se perspectivas de colaboração com o Brasil e com vários Estados que confinam com o Brasil, – concluiu a sua entrevista o representante da Companhia Militar Industrial Serguei Suvorov.

Fonte: Portuguese

Publicado na categoria: noticias | Com a tag , , , , , | Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*