BLINDAGEM EM RESIDÊNCIAS VIRA TENDÊNCIA PARA AUMENTAR SEGURANÇA

Com o aumento da violência, as construtoras têm se mostrado mais atentas e começaram a investir em mecanismos que intensifiquem a segurança. Um exemplo é a blindagem arquitetônica, que teve um crescimento de 40% em 2009, segundo informações da VAULT
– empresa especializada em blindagem arquitetônica e sistemas integrados de segurança. A proteção em guaritas, fachadas de prédios, portas, janelas e fechaduras se tornou uma tendência crescente em residências e condomínios, que optam cada vez mais por recursos como câmeras, alarme e controle de acesso.

“As grandes construtoras contratam conosco projetos de blindagem de guaritas de prédios residenciais que custam de 25 a 30 mil reais, em média. Já nas obras residenciais, com projetos mais abrangentes de blindagem de portas, janelas e paredes, a variação maior de custo aumenta, podendo girar em torno de 10 mil a 500 mil reais”, conta o diretor da empresa, Cristiano Vargas.

Segundo ele, blindagem deixou de ser exclusividade dos empreendimentos de alto padrão. “Há aproximadamente cinco anos, a VAULT era consultada apenas por construtora de edifícios de padrão AAA, com unidades comercializadas a partir de 3 milhões de reais. Hoje, há um número bem maior de construtoras contratando os serviços de blindagem arquitetônica da VAULT em obras de médio padrão, com unidades comercializadas a partir de 450 mil reais”, informa.

De acordo com Vargas, todo mês a empresa tem demandas de construtoras para blindar, principalmente, guaritas de novos empreendimentos. “A blindagem já se tornou uma exigência de mercado, um item quase que obrigatório, especialmente em uma época em que os prédios residenciais estão mais vulneráveis aos assaltos”.

Fonte:  Lugar Certo

Publicado na categoria: noticias | Com a tag , , , , , , | Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*